Pular para o conteúdo principal

PYTHON RECEBIDA PELO CEBUS SERÁ DESTINADA A BELO HORIZONTE

Por Sem Comentários2 min de leitura

Uma python (Python bivittatus) de aproximadamente três metros de comprimento foi recebida pelo Cebus – Centro de Biodiversidades da Usipa, nesta segunda-feira e será encaminhada ao Instituto Estadual de Florestas – IEF de Belo Horizonte, nesta quarta-feira. A serpente, que não é nativa da região, foi entregue ao Cebus após ser resgatada pela Polícia Militar de Meio Ambiente.

Lélio Costa e Silva, médico veterinário e responsável técnico do Cebus, comentou sobre a situação. “A python não faz parte da fauna nativa brasileira, ela é do sudeste asiático e seu manejo requer cuidados específicos. Em Belo Horizonte, ela terá as condições ideais para seu bem-estar e segurança, além de contribuir para a educação ambiental e a conscientização sobre a importância de se preservar as espécies em seus habitats naturais”, destacou.

Essa ação integra o Programa de Recuperação da Fauna sem Lar do Vale do Aço, que visa prestar serviços médicos veterinários e atendimentos clínicos a animais silvestres recolhidos, apreendidos ou resgatados pela Polícia Militar de Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros e IEF. O programa é patrocinado pela Associação Regional de Proteção Ambiental do Vale do Aço (Arpava), Usiminas e o IEF.

Desde seu início, o Programa de Recuperação da Fauna sem Lar tem se destacado pela eficiência e dedicação no cuidado dos animais, proporcionando-lhes uma segunda chance. O trabalho conjunto das entidades envolvidas tem sido crucial para o sucesso do programa e para a preservação da biodiversidade regional.

A python, após passar por uma avaliação veterinária detalhada no Cebus, está pronta para ser transportada. Em Belo Horizonte, ela será destinada a um local pré-definido pelo IEF.

A transferência da python para Belo Horizonte ressalta a importância da colaboração entre instituições para a proteção da fauna e flora, destacando a necessidade de ações coordenadas para garantir o bem-estar dos animais silvestres.

Compartilhe:

Deixe uma Resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.