Pular para o conteúdo principal

BRASILEIRA TEM FILME SELECIONADO PARA O FESTIVAL INTERNACIONAL DE CURTA-METRAGEM DE LOS ANGELES

Por Sem Comentários3 min de leitura

Floresta Adentro foi escrito e produzido para ser a prova de conceito do longa-metragem de mesmo nome

 

A produtora do curta é a jovem mineira Maria Magalhães, formada em Artes cênicas pela UFMG, residente há seis anos em Los Angeles, na Califórnia (EUA), onde foi estudar atuação em cinema. A direção é da também jovem escritora franco-americana Devany Greenwood e ambas são produtoras executivas do longa.

No curta-metragem, enquanto lida com sua tumultuada vida familiar, uma adolescente solitária, Elowyn, envolve o espectador ao encontrar conexão com uma senhora misteriosa, numa floresta. E ambas podem estar mais ligadas do que os sonhos da jovem a fazem acreditar.

Gravado em setembro do ano passado, o curta contou com uma equipe de quase 30 pessoas de nacionalidades diversas (Espanha, Israel, Brasil, Itália, México, Inglaterra entre outras), tendo sua pós-produção finalizada em abril deste ano, processo que levou 6 meses para ser concluído.

A produção acaba de iniciar sua corrida no circuito de festivais internacionais sendo selecionada para o LA Shorts International Film Festival. O Festival Internacional de Curtas de Los Angeles é um dos maiores festivais do mundo a focar apenas em curtas metragens e carrega relevante prestígio internacional qualificando os seus selecionados para uma chance ao Oscar. O festival, que será a première mundial de Floresta Adentro, será realizado na cidade de Los Angeles do dia 19 ao dia 30 de julho.

A exibição do curta já tem local definido e será no Regal Cinema, LA Live, dia 28 de julho às 15h15. Após a sessão, são reservados 15 minutos para um debate com a diretoria do projeto, onde a plateia terá a oportunidade de fazer perguntas e descobrir curiosidades sobre o filme.

 

Informações adicionais:

Maria Magalhães viveu com a família em Ipatinga (MG) até os 18 anos, filha de pai bancário e mãe produtora cultural. Revelou ainda criança sua paixão pela arte. Aos 11 anos, começou a estudar na antiga Escola de Teatro Sete de Outubro e posteriormente participou ativamente das produções regionais. Fez parte do Grupo Farroupilha e da Casa Laboratório, antes de iniciar seus estudos na Faculdade de Artes Cênicas da UFMG, em Belo Horizonte. Há seis anos, mudou-se para Los Angeles.

 BRASILEIRA TEM FILME SELECIONADO PARA O FESTIVAL INTERNACIONAL DE CURTA-METRAGEM DE LOS ANGELES

A empresa de cinema Cosmica Productions (Cósmica Produções, em português) foi criada por Maria Magalhães e Devany Greenwood em meio a pandemia, no início do ano de 2021, com o intuito de amplificar vozes marginalizadas, em especial narrativas femininas. Maria Magalhães e Devany Greenwood estão dispostas a conceder maiores detalhes por meio de texto, áudio e vídeo gravados ou transmitidos ao vivo, para o seu canal de comunicação.

Compartilhe: